Venha opinar sobre nosso possível sexto encontro!

Responder 
Guia de Role-Playing para Potrinhos
Autor Mensagem
Zen
Oncoming Storm





Respostas: 11.558
Likes Dados: 3.966
Likes Ganhos: 3.492
Pronome: Qualquer um
Offline


RE: Guia de Role-Playing para Potrinhos
(05/04/2015 22:31)RollerScouter Escreveu:  @NightMare Bom,digamos que personagem tal,vivia uma vida comum,trabalhava normalmente,até receber um convite para trabalhar em uma grande empresa,ele vai,acontece algumas coisas ruins lá,e ele é deixado pra morrer,desmaia por motivo X,acorda no hospital com alguma perda,e começa a sentir ódio mortal por quem o deixou para morrer.Isso se encaixa em algum dos seus critérios para se evitar quando se estar criando uma OC?

Eu diria que ele é um pouco de Vingador, mas acho que não tem nada de errado com isso, contanto que, no final das contas, não se torne um clichê que subtraia da diversão que você quiser ter com seus colegas jogadores.

Falando nisso, eu concordo com boa parte do que o tutorial diz, mas acho que talvez algumas coisas possam ser ditas de forma um pouco menos "extrema". Sim, de fato os erros citados são reais, muitos novatos (e até mesmo veteranos) os cometem, mas da forma como as coisas forma escritas, parece que algumas coisas são "crimes imperdoáveis", sem lugar para exceções.

Exemplos:

-Se alguém fizer um RP das Power Ponies, é inevitável que os personagens lembrem personagens famosos, como as próprias personagens do show lembram (Fii second = Flash);

-Um Esquecido nem sempre precisa ser conveniência para jogadores preguiçosos, às vezes pode ser interessante guardar o passado deste (contanto que seja realmente planejado com antecedência) para ser revelado em momentos chave, e não lembrar do passado pode ser uma boa fonte de drama (embora precise tomar cuidado pra não virar um dramalhão que o deixe parecido com um Trágico);

-Escolhido, poderia funcionar se todos os jogadores fossem salvadores especiais, ou algo assim, sem favorecer um ou outro (aliás, implicitamente é muito provável que isso ocorra de qualquer jeito, a menos que seja um RP mais slice of life do que aventura).

Enfim, o que quero dizer não é que esteja o tópico esteja errado, muito pelo contrário, ele está absurdamente certo, mas acho que algumas coisas não deveriam ser descritas como se fossem erradas por definição, mas sim como pouco recomendadas para quem não souber construir em cima delas.

[Imagem: T7nALwR.jpg?1]
06/04/2015 00:53
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
Like x 1 Informativo x 1(list)
Like x 1
Informativo x 1
Matt Reverse
I'm not so Grump!





Respostas: 1.529
Likes Dados: 90
Likes Ganhos: 376
Pronome: Ele
Offline


RE: Guia de Role-Playing para Potrinhos
Engraçado, eu também ia fazer um guia de como criar RPGs ou roleplays e de quebra um guia para OCs interessantes.
Aí eu lembrei que não sou mod e não quero alguém dizendo que estou fazendo algo que não é meu trabalho. Mlp-pv

[Imagem: tumblr_npfqi3X1Np1unfbi0o1_500.gif]
06/04/2015 04:11
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
Scout Hiro
É uma arara.




Administradores

Respostas: 2.766
Likes Dados: 1.201
Likes Ganhos: 1.684
Pronome: Ele
Offline


RE: Guia de Role-Playing para Potrinhos
(06/04/2015 04:11)Rainbow Dark Escreveu:  Engraçado, eu também ia fazer um guia de como criar RPGs ou roleplays e de quebra um guia para OCs interessantes.
Aí eu lembrei que não sou mod e não quero alguém dizendo que estou fazendo algo que não é meu trabalho. Mlp-pv

... Hein? Desde quando criar guias é trabalho de mod? [Imagem: jack_wtf__by_roxaspikachu-d6ng98f.png] Qualquer usuário pode criar guia do que ele quiser, até mesmo se for algo que já existe, desde que ele o faça melhor que o anterior\com mais conteúdo.

Mods moderam, basicamente, não controlamos esse tipo de coisa. lol

[Imagem: gotouhenshinx_by_scouthiro-dar7i8n.gif]
06/04/2015 08:38
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
MissChaos42
Ressuscitada?
*




Respostas: 4.353
Likes Dados: 59
Likes Ganhos: 65
Pronome: Ela
Offline


RE: Guia de Role-Playing para Potrinhos
Olhe, a minha OC é basicamente isso (história):

Foi maltratada pela MÃE por ser considerada um "fardo", um dia qualquer, descobre que tem alguém que pode ser seu amigo: Discord. Ele a ensina a arte do caos para ela se divertir e ficar mais experiente, o tempo passa, a minha OC tenta liberta-lo, mas é presa e congelada por mil anos. Quando ela volta, ela é dominada por um vilão, depois de uma graaande (não muito grande, isso dura mais ou menos uma semana) batalha psíquica, ela se liberta com um apoio amigo. Depois disso, foi construir seu próprio castelo numa floresta, e está até hoje vivendo uma vida "normal" (por que a danada ama se meter em encrenca :P)
Isso é meio clichê?
Personalidade:
Nunca foi muito de fazer amigos(por culpa da mãe, que a deixava trancada em casa), quando se libertou da sombra, conseguiu ser um pouco mais social (oi? depois de uma experiência dessas, é meio óbvio que ela iria ser mais social), mas continua sendo mais "fechada", gosta de observar para depois agir, mas pode ser uma ótima amiga.

Minha OC é clichê?
06/04/2015 09:14
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
NightMare
Don't cry because it's over, smile because it happened





Respostas: 2.272
Likes Dados: 646
Likes Ganhos: 1.117
Pronome: Ele
Ausente


RE: Guia de Role-Playing para Potrinhos
(06/04/2015 00:53)Zenie Escreveu:  Falando nisso, eu concordo com boa parte do que o tutorial diz, mas acho que talvez algumas coisas possam ser ditas de forma um pouco menos "extrema". Sim, de fato os erros citados são reais, muitos novatos (e até mesmo veteranos) os cometem, mas da forma como as coisas forma escritas, parece que algumas coisas são "crimes imperdoáveis", sem lugar para exceções.

Exemplos:

-Se alguém fizer um RP das Power Ponies, é inevitável que os personagens lembrem personagens famosos, como as próprias personagens do show lembram (Fii second = Flash);

-Um Esquecido nem sempre precisa ser conveniência para jogadores preguiçosos, às vezes pode ser interessante guardar o passado deste (contanto que seja realmente planejado com antecedência) para ser revelado em momentos chave, e não lembrar do passado pode ser uma boa fonte de drama (embora precise tomar cuidado pra não virar um dramalhão que o deixe parecido com um Trágico);

-Escolhido, poderia funcionar se todos os jogadores fossem salvadores especiais, ou algo assim, sem favorecer um ou outro (aliás, implicitamente é muito provável que isso ocorra de qualquer jeito, a menos que seja um RP mais slice of life do que aventura).

Enfim, o que quero dizer não é que esteja o tópico esteja errado, muito pelo contrário, ele está absurdamente certo, mas acho que algumas coisas não deveriam ser descritas como se fossem erradas por definição, mas sim como pouco recomendadas para quem não souber construir em cima delas.

Vamos lá, o guia é voltado para Iniciantes/Dummies/Potrinhos, que está recém começando em um ambiente "padrão", se você souber o que está fazendo, qualquer um desses clichês é contornável.

É claro que se alguém está fazendo um RP de super heróis, vai ser normal que ele se pareça com algum super herói. O problema é você jogar um RPG medieval com o Incrível Hulk, ou o Super-Homem.

E quanto ao O Escolhido, eu me refiro quando alguém quer ser O Escolhido, no completo e absoluto singular. Em jogos com um Mestre isso não é muito problemático, mas em jogos abertos pode vir a causar problemas, se cada um tiver 3 personagens Escolhidos, suddenly é normal ser escolhido.

E reforçando, o guia é para iniciantes, e o foco do guia é justamente fazê-los evitar armadilhas até que estejam aptos a julgar o que é mais sensato ou não.
Não há problemas criar um personagem que esqueceu do seu passado, apesar de ser super clichê, porém quando você o faz sem ter ideia de como preencher esse passado, é perigoso demais, as chances de criar alguém sem personalidade são altas.


(06/04/2015 04:11)Rainbow Dark Escreveu:  Engraçado, eu também ia fazer um guia de como criar RPGs ou roleplays e de quebra um guia para OCs interessantes.
Aí eu lembrei que não sou mod e não quero alguém dizendo que estou fazendo algo que não é meu trabalho. Mlp-pv

Matto, eu fiz esse tópico como user, não como Mod. Moderadores apenas moderam, as Hiro said.


(06/04/2015 09:14)Samantha Escreveu:  Olhe, a minha OC é basicamente isso (história):

Foi maltratada pela MÃE por ser considerada um "fardo", um dia qualquer, descobre que tem alguém que pode ser seu amigo: Discord. Ele a ensina a arte do caos para ela se divertir e ficar mais experiente, o tempo passa, a minha OC tenta liberta-lo, mas é presa e congelada por mil anos. Quando ela volta, ela é dominada por um vilão, depois de uma graaande (não muito grande, isso dura mais ou menos uma semana) batalha psíquica, ela se liberta com um apoio amigo. Depois disso, foi construir seu próprio castelo numa floresta, e está até hoje vivendo uma vida "normal" (por que a danada ama se meter em encrenca :P)
Isso é meio clichê?
Personalidade:
Nunca foi muito de fazer amigos(por culpa da mãe, que a deixava trancada em casa), quando se libertou da sombra, conseguiu ser um pouco mais social (oi? depois de uma experiência dessas, é meio óbvio que ela iria ser mais social), mas continua sendo mais "fechada", gosta de observar para depois agir, mas pode ser uma ótima amiga.

Minha OC é clichê?

Responda essas perguntas:

Por que ela é maltratada pela mãe?

Por que Discord, o Caos em pessoa, iria se sujeitar a ser amigo de uma potrinha qualquer? E ainda lhe ensinar algo que tão poderoso quanto o controle do caos, que talvez nem seja possível que os pôneis o dominem?

A história é altamente fantasiosa e exagerada, ser amiguinho de uma divindade geralmente é visto com olhos não muito amigáveis por jogadores mais sérios, a menos que a explicação seja muito boa.

Aliás, Samantha, eu não coloquei no tópico em si, mas gostaria de agradecer pela ideia de colocar um guia nessa área, muitíssimo obrigado. Nmhappy

[Imagem: Themiles-1242-fl%C3%BCgel.gif]
So goodbye lovers and friends
It's so sad to leave you
When they lie and say
"This is not the end"
You can laugh as if
We're still together
But this really is the end

06/04/2015 10:11
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
Like x 1(list)
Like x 1
MissChaos42
Ressuscitada?
*




Respostas: 4.353
Likes Dados: 59
Likes Ganhos: 65
Pronome: Ela
Offline


RE: Guia de Role-Playing para Potrinhos
(06/04/2015 10:11)NightMare Escreveu:  
(06/04/2015 00:53)Zenie Escreveu:  Falando nisso, eu concordo com boa parte do que o tutorial diz, mas acho que talvez algumas coisas possam ser ditas de forma um pouco menos "extrema". Sim, de fato os erros citados são reais, muitos novatos (e até mesmo veteranos) os cometem, mas da forma como as coisas forma escritas, parece que algumas coisas são "crimes imperdoáveis", sem lugar para exceções.

Exemplos:

-Se alguém fizer um RP das Power Ponies, é inevitável que os personagens lembrem personagens famosos, como as próprias personagens do show lembram (Fii second = Flash);

-Um Esquecido nem sempre precisa ser conveniência para jogadores preguiçosos, às vezes pode ser interessante guardar o passado deste (contanto que seja realmente planejado com antecedência) para ser revelado em momentos chave, e não lembrar do passado pode ser uma boa fonte de drama (embora precise tomar cuidado pra não virar um dramalhão que o deixe parecido com um Trágico);

-Escolhido, poderia funcionar se todos os jogadores fossem salvadores especiais, ou algo assim, sem favorecer um ou outro (aliás, implicitamente é muito provável que isso ocorra de qualquer jeito, a menos que seja um RP mais slice of life do que aventura).

Enfim, o que quero dizer não é que esteja o tópico esteja errado, muito pelo contrário, ele está absurdamente certo, mas acho que algumas coisas não deveriam ser descritas como se fossem erradas por definição, mas sim como pouco recomendadas para quem não souber construir em cima delas.

Vamos lá, o guia é voltado para Iniciantes/Dummies/Potrinhos, que está recém começando em um ambiente "padrão", se você souber o que está fazendo, qualquer um desses clichês é contornável.

É claro que se alguém está fazendo um RP de super heróis, vai ser normal que ele se pareça com algum super herói. O problema é você jogar um RPG medieval com o Incrível Hulk, ou o Super-Homem.

E quanto ao O Escolhido, eu me refiro quando alguém quer ser O Escolhido, no completo e absoluto singular. Em jogos com um Mestre isso não é muito problemático, mas em jogos abertos pode vir a causar problemas, se cada um tiver 3 personagens Escolhidos, suddenly é normal ser escolhido.

E reforçando, o guia é para iniciantes, e o foco do guia é justamente fazê-los evitar armadilhas até que estejam aptos a julgar o que é mais sensato ou não.
Não há problemas criar um personagem que esqueceu do seu passado, apesar de ser super clichê, porém quando você o faz sem ter ideia de como preencher esse passado, é perigoso demais, as chances de criar alguém sem personalidade são altas.


(06/04/2015 04:11)Rainbow Dark Escreveu:  Engraçado, eu também ia fazer um guia de como criar RPGs ou roleplays e de quebra um guia para OCs interessantes.
Aí eu lembrei que não sou mod e não quero alguém dizendo que estou fazendo algo que não é meu trabalho. Mlp-pv

Matto, eu fiz esse tópico como user, não como Mod. Moderadores apenas moderam, as Hiro said.


(06/04/2015 09:14)Samantha Escreveu:  Olhe, a minha OC é basicamente isso (história):

Foi maltratada pela MÃE por ser considerada um "fardo", um dia qualquer, descobre que tem alguém que pode ser seu amigo: Discord. Ele a ensina a arte do caos para ela se divertir e ficar mais experiente, o tempo passa, a minha OC tenta liberta-lo, mas é presa e congelada por mil anos. Quando ela volta, ela é dominada por um vilão, depois de uma graaande (não muito grande, isso dura mais ou menos uma semana) batalha psíquica, ela se liberta com um apoio amigo. Depois disso, foi construir seu próprio castelo numa floresta, e está até hoje vivendo uma vida "normal" (por que a danada ama se meter em encrenca :P)
Isso é meio clichê?
Personalidade:
Nunca foi muito de fazer amigos(por culpa da mãe, que a deixava trancada em casa), quando se libertou da sombra, conseguiu ser um pouco mais social (oi? depois de uma experiência dessas, é meio óbvio que ela iria ser mais social), mas continua sendo mais "fechada", gosta de observar para depois agir, mas pode ser uma ótima amiga.

Minha OC é clichê?

Responda essas perguntas:

Por que ela é maltratada pela mãe?

Por que Discord, o Caos em pessoa, iria se sujeitar a ser amigo de uma potrinha qualquer? E ainda lhe ensinar algo que tão poderoso quanto o controle do caos, que talvez nem seja possível que os pôneis o dominem?

A história é altamente fantasiosa e exagerada, ser amiguinho de uma divindade geralmente é visto com olhos não muito amigáveis por jogadores mais sérios, a menos que a explicação seja muito boa.

Aliás, Samantha, eu não coloquei no tópico em si, mas gostaria de agradecer pela ideia de colocar um guia nessa área, muitíssimo obrigado. Nmhappy

Night, sim, é tudo explicado na minha fic. Além disso, o poder da minha OC é diversificado, mas não muito poderoso. Por culpa dela a mãe perdeu a divina oportunidade de um divórcio (ela tem um irmão mais velho apenas por parte de mãe), e com esse divórcio ela iria pegar todo o dinheiro do pai dela (da OC), e sim, a mãe dela era interesseira, pois quando criança era rejeitada por ser pobre.
Discord a ensinava algo tãão poderoso como uma alternativa para se libertar, tá tudo explicado aqui: http://fanfiction.com.br/historia/594796...se_juntam/ A fic dá uma idéia de que Samantha é muuuuito poderosa, mas o máximo de poder dela só consegue derrubar um bebê ursa maior. E sim, irei explicar os planos do vilão para ela, só esperar.

E por nada Grin
06/04/2015 10:20
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
Uncie's Ghost
Ainda assombrando os corredores do fórum





Respostas: 11.350
Likes Dados: 3.370
Likes Ganhos: 7.686
Pronome: Qualquer um
Ausente


RE: Guia de Role-Playing para Potrinhos
Só porque sim, eu gostaria de fazer uns adendos tropetásticos.
06/04/2015 12:34
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
Informativo x 3(list)
Informativo x 3
Mikan Tsumiki
Ultimate Nurse





Respostas: 812
Likes Dados: 149
Likes Ganhos: 184
Pronome: Qualquer um
Ausente


RE: Guia de Role-Playing para Potrinhos
Nighty essa historia de oc e muito OP?


Creditos: @Seturn
[Imagem: tumblr_ohw3mjXrJJ1vc7eeao1_500.gif]
06/04/2015 17:14
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
Mikan Tsumiki
Ultimate Nurse





Respostas: 812
Likes Dados: 149
Likes Ganhos: 184
Pronome: Qualquer um
Ausente


RE: Guia de Role-Playing para Potrinhos
(06/04/2015 18:10)Kumatora Escreveu:  
(06/04/2015 17:14)Celestia Stareberg Escreveu:  Nighty essa historia de oc e muito OP?

Essa história pra mim parece algo normal
Não tem nenhuma coisa super dramática incluindo coisas op ou personagens canon do show sendo o que não seria. Não tem nada fora do normal
Em resumo, não sou o nighty-chan, mas sua história ta boa

Thanks,mas chan e pra meninas kun e pra homens

Creditos: @Seturn
[Imagem: tumblr_ohw3mjXrJJ1vc7eeao1_500.gif]
06/04/2015 18:12
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
Uncie's Ghost
Ainda assombrando os corredores do fórum





Respostas: 11.350
Likes Dados: 3.370
Likes Ganhos: 7.686
Pronome: Qualquer um
Ausente


RE: Guia de Role-Playing para Potrinhos
(06/04/2015 18:13)Kumatora Escreveu:  Eu sei e o Nighty-chan é uma bela princesa

Imperatriz*
Mais respeito Mlp-anah
06/04/2015 18:18
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta

Compartilhar: facebook gplus twitter

Responder 


Ir ao Fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitantes