Venha opinar sobre nosso possível sexto encontro!

Responder 
Guia de Role-Playing para Potrinhos
Autor Mensagem
NightMare
Don't cry because it's over, smile because it happened





Respostas: 2.272
Likes Dados: 646
Likes Ganhos: 1.117
Pronome: Ele
Ausente


Resposta: #1 (PID: 879451)
Guia de Role-Playing para Potrinhos
O que é Role-Playing?


Role
Significa papel, função. Como o papel de um ator em uma peça de teatro.

Playing
Essa palavra tem vários significados, mas os que nós queremos são:
- Tomar parte em um jogo.
- Encenar.

Então juntando as duas definições chegamos no significado de Role-Playing, que é nada mais nada menos do que encenar um papel, seja ele qual for.
Como nós estamos em um fórum de pôneis marshmallow, é comum ver os usuários encenando que são pôneis ou outras criaturas do show vivendo situações retiradas do desenho ou da sua própria cabeça, sejam aventuras ou coisas do dia a dia.

Simplificando mais ainda: é brincar de faz de conta com outras pessoas. Você finge ser um personagem e cria a sua historinha, como uma FanFiction conjunta em tempo real.

Tipos Role-Playing?


Role-Playing pode ser feito de muitos modos, começando pelo estilo da narrativa, que pode ser livre, ou ter um narrador, esse geralmente é chamado de Mestre.

Livre: Nesse estilo de narrativa os jogadores constroem o mundo de modo conjunto, não há alguém para narrar o destino da história e os seus limites.
Esse tipo de Role-Play geralmente requer muita auto-moderação e bom senso por parte dos jogadores já que o mundo é compartilhado, você tem toda a liberdade para criar o que quiser, desde que não conflite ou atrapalhe os outros jogadores.

O lado bom e o lado ruim desse estilo de jogo são os mesmos, a liberdade.
Várias pessoas com ideias diferentes tem todo o potencial para fazer algo incrível.
Porém algumas vezes isso pode ir longe demais, ou alguém pode ter uma ideia incrível, que para os outros jogadores talvez não seja tão incrível assim.

Recomendado para dois jogadores, ou grupos pequenos.

Narrado: Nesse estilo de narrativa o mundo, os jogadores e as suas ações são sempre analisados e narrados pelo Narrador, ou o Mestre, que tem total controle sobre a história.
Esse tipo de Role-Play geralmente é mais confortável para os jogadores, já que permite que eles foquem no próprio personagem e apenas em desenvolver a trama, ao invés de ter que criá-la.

O lado bom desse estilo é o fato de que com o Mestre no controle a história estará sempre nos trilhos, sem desbalanços sobre os personagens e com um começo e fim definidos.
O lado ruim desse estilo é que a presença do Mestre é indispensável, o que pode fazer a história parar se conflitos de horário surgirem. E também há a dificuldade de se achar um bom Mestre.

Recomendado para grupos dos mais diversos tamanhos.

Além dos diferentes modos de Narrativas, também é comum a introdução de Dados e Atributos para ajudar a decidir o que um personagem consegue ou não fazer. Isso é mais comum em jogos com um mestre, porém também pode ser feito em jogos de Narrativa Livre.

Termos e palavras importantes


RP ou RPing: Role-Play ou Role-Playing
OOC: Out Of Character, significa "fora de personagem", geralmente são comentários feitos pelos jogadores entre ((Texto)) ou [[Texto]] ou {{Texto}}.
IC: In Character, o contrário de OOC, quando se está encenando o personagem em questão.
God Moding: Geralmente acontece em jogos de Narrativa Livre, quando alguém dá poder demais para um personagem a ponto de se tornar algo estúpido.
Meta Gaming: Conhecido em português como Meta Jogo, é quando um jogador encena o seu personagem utilizando-se de informação adquirida não dentro do jogo. Ou seja, quando o personagem dele sabe de coisas que não deveria, ou toma decisões influenciadas por isso.
RP Fechado: Esses RPs geralmente tem algum formulário de inscrição ou sistema o qual o jogador deve preencher antes de entrar.
RP Aberto: Não há inscrição, ou elas não são filtradas, sendo utilizadas apenas para arquivo.
Original Character/OC: É um personagem original, criado por você mesmo. Uns são mais originais que os outros, claro.
NPC: Non Playable Characters ou Personagens Não Jogáveis, são personagens geralmente criados e controlados pelo Narrador/Mestre, ou então personagens aleatórios criados rapidamente em uma Narrativa Livre para cumprir certo papel, como figurantes.

Como agir em Narrativas Livres


Em Narrativas Livres não há um modo certo de se jogar, também não há dados para regular o quão forte você é, ou o quão sortudo.

Então é sempre bom lembrar de algumas coisas:

1 - Bom senso em relação ao personagem.
Quando você está interpretando o seu personagem, você tem que imaginar como ele reagiria, e não o que você faria.
Alguns role-players tem dificuldades em separar o que eles fariam e o que os personagens deles fariam, e isso geralmente acarreta no jogador acabar se limitando a certo tipo de personagem.

2 - Lembre-se do que o seu personagem é.
Se na sua ficha, inscrição, ou descrição consta que o seu personagem é rude, aja dessa maneira, se por motivo nenhum ele começar a ser bonzinho os outros jogadores vão estranhar e não gostar.
Defina como o seu personagem irá agir, e siga desse modo.

3 - Respeite os outros
Respeito é fundamental para que role-plays livres sejam um sucesso.
Se o jogador definiu que o rei da montanha gelada do norte é um anão, não invente que na verdade ele era um elfo disfarçado o tempo todo, você estará passando por cima do seu companheiro.
Também lembre-se de que ao contrário de jogos single-players, você não é o herói da aventura, ou O Escolhido, você está compartilhando o universo com outras pessoas.

Cobate em Narrativas Livres


God Moding - /godmode on
Já explicado anteriormente.
Isso é comum entre novatos que acham que o importante no role-play é ser mais forte que os outros.
Não façam isso crianças, não.

Auto-Hit - Eu te acertei, ganhei!
Isso acontece quando alguém além de descrever a sua reação, já descreve o que vai acontecer, sem dar chance para o outro jogador descrever.

É normal coisas como essa aqui embaixo acontecerem:
"Jack então balançou a sua espada e acertou o peito de Bob em cheio."

Quando na verdade elas deveriam ser feitas assim:
"Jack então balançou a sua espada, tentando acertar em cheio o peito de Bob."

Deixe Bob, ou o Mestre se houver algum, dizer se foi um acerto ou um erro.

Fraquezas - EU SOU INVENCÍVEL!!OMZE1!
Personagens sem fraquezas são chatos, além de bobos.
Sempre que pensar em algo que o seu personagem seja bom, pense também em algo que ele seja ruim.
Esse tipo de coisa é o que acaba adicionando maior profundidade ao seu personagem.

Montando um Personagem


Algumas coisas básicas na hora de criar o seu personagem:

- Decida-se que tipo de personagem ele será.
- O tipo da personalidade.
- De aonde ele veio.
- Como ele viveu até agora, e como ele tem vivido.
- Tenha sempre um resumo da sua história, e um tipo de vestimenta básica que se encaixe em sua personalidade.

E então faça algumas perguntas:

- Por que ele se veste desse jeito?
- Por que ele sabe fazer X, e não Y?
- Por que ele age dessa maneira, e não de outra?
- Por que tal coisa acontece na história dele, ao invés disso ou aquilo?

Perguntas e reflexões como essa acabam fazendo com que você desenvolva melhor o seu OC, se a resposta de alguma delas for "porque sim" ou "não sei", então há algo de errado.

Alguns problemas de personalidade comuns e que também devem ser evitados:

O Alicórnio - Você não está jogando Máfia, mas acabou de virar alvo de linchamento.
Não exatamente um problema de personalidade, pelo menos do personagem, mas acho que isso merece uma menção especial aqui.
Os alicórnios são Celestia, Cadance, Twilight e Luna, e a menos que você tenha um ótima desculpa, eu recomendo deixar desse jeito.
Jogadores que criam alicórnios geralmente são visto como pessoas que querem se mostrar especiais, acima dos outros, e isso é geralmente motivo de desgosto para outros jogadores.

O Escolhido - Você é a última salvação da raça humana, e o único que pode nos libertar? Legal, eu também!
Eu já mencionei isso antes, mas irei cutucar novamente. Você está compartilhando um mundo com várias pessoas, você não é, ou não deveria ser um floco de neve ultra especial, evite descrever o seu personagem como O Mais Poderoso ou A Última Esperança de X.

Realeza - Eu sou a Princesa Bolinho, filha de Celestia!
Não, por favor, não.
Esse é o ticket mais rápido para virar piada dos outros.
Isso não quer dizer que personagens da realeza não possam ser bons, mas eles são clichês, então tenha certeza do que você está prestes a fazer.
Ah, ser realeza e ser parente de alguém da realeza do show é crime, podem olhar na Constituição.

O Trágico - Nada nunca deu certo, e nem dará.
Olhar o passado desse personagem é pior do que qualquer filme de tragédia já feito até hoje.
É claro que os pais estarão mortos, e se estão vivos eles certamente abusaram do coitado, ou foram abusados junto com ele. Ele sofreu muito durante a vida inteira sem nunca ter um pingo de felicidade.
Evitem isso, as pessoas rolam os olhos quando enxergam esse tipo de personagem por aí.

A Exagerada - Isso deve ser culpa dos orientais.
A Exagerada é aquela personagem bonita, durona, conhece 15 tipos de arte marciais, dispara 2 armas enormes ao mesmo tempo, mostra a calcinha para todo mundo e então age randomicamente como uma criancinha, isso quando não é uma criança.
Deixem isso para os animes apelativos, ou pelo menos longe de role-plays mais sérios.

Zé Perfeitinho - Cabelo sempre ajeitadinho!
A pessoa que tira notas perfeitas, é amigo de todo mundo, sabe de tudo, sempre tem uma solução para tudo, emocionalmente inabalável, corpo de atleta, melhor artista da geração.

Esse tipo de pessoa não existe na vida real, e também não precisa existir na fantasia.

Desejo Sexual - Quando os hormônios não podem ser contidos.
Se você criar um personagem em cima de fetiches ou ideias sexuais, acredite, você não vai querer utilizá-lo com pessoas que não estão fazendo os mesmos.

Não traga esse tipo de criatura para o público. Por favor.

O Vingador - Preciso matar meu irmão para vingar o meu clã!
Se o seu personagem é do tipo dark, e o seu motivo de vida é vingar algo eu recomendo tentar pensar em algo um pouco menos manjado.

O Esquecido - Eu tropecei, bati a cabeça, e esqueci o meu passado! Mas eu sei que eu bati a cabeça...
Não.
Simplesmente, não.
Personagens que se esqueceram do seu passado tem um lugarzinho reservado na lixeira.
Essa ideia não é original, nem boa.

A brilhante ideia - Eu acabei de assistir o Homem-Aranha, e ter um pônei que atira teias e tem tentáculos é a melhor ideia ever!
Se alguém olhar par ao seu personagem e fizer uma comparação com um personagem de Anime/Filme/Livro/Desenho que você por acaso acabou de ver, fique atento, existe uma grande probabilidade do seu personagem ser uma cópia mal feita, que na hora parece brilhante, mas depois será o seu pesadelo.

Jogos com Mestre/Dados


Esses possuem suas próprias regras e manuais, como os famosos Dungeons and Dragons e GURPS.

Também temos várias alternativas pônei, como Roleplaying is Magic e Ponyfinder.

E nada lhe impede de criar o seu própria sistema e história, algo mais avançado como a Era da Esmeralda, ou algo mais simples como A Quintessência.

Sempre que você entrar em um roleplay desses o Mestre irá lhe explicar como as coisas funcionam, e lhe dará o necessário para jogar.

Se você for o Mestre e quiser saber como fazer, segura na mão do Google e vai.
Geralmente esses RPGs possuem um livro designado apenas para ensinar o Mestre/Narrador a como mestrar/narrar.


Considerações Finais


Se você for inexperiente e não souber como começar um role-play, procure por outras pessoas que já tem alguma experiência, é muito mais fácil de aprender quando há alguém para lhe guiar ou ajudar.

Com um pouco de bom senso e respeito pelo próximo você irá se divertir muito.
Também lembre-se, você não precisa fazer coisas enormes para se divertir, muitas vezes as melhores coisas dos role-plays estão nas pequenas coisas, nos pequenos detalhes. O seu personagem não precisa ser o mais fodão do universo, ele só precisa ser um bom personagem.

Qualquer dúvida ou sugestão, comentem.

[Imagem: tPcznNh.png]
05/04/2015 20:51
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
Like x 2 Informativo x 9(list)
Mikan Tsumiki
Ultimate Nurse





Respostas: 812
Likes Dados: 149
Likes Ganhos: 184
Pronome: Qualquer um
Ausente


Resposta: #2 (PID: 879453)
RE: Guia de Role-Playing para Potrinhos
So acho que deveria ter um topico sobre mary sues/gary stus aqui

Creditos: @Seturn
[Imagem: tumblr_ohw3mjXrJJ1vc7eeao1_500.gif]
05/04/2015 20:58
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
NightMare
Don't cry because it's over, smile because it happened





Respostas: 2.272
Likes Dados: 646
Likes Ganhos: 1.117
Pronome: Ele
Ausente


Resposta: #3 (PID: 879461)
RE: Guia de Role-Playing para Potrinhos
(05/04/2015 20:58)Celestia Stareberg Escreveu:  So acho que deveria ter um topico sobre mary sues/gary stus aqui

Eles estão ai, apenas com classificações mais específicas, já que existem vários tipoes de sues/stus.

[Imagem: tPcznNh.png]
05/04/2015 21:10
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
Mikan Tsumiki
Ultimate Nurse





Respostas: 812
Likes Dados: 149
Likes Ganhos: 184
Pronome: Qualquer um
Ausente


Resposta: #4 (PID: 879464)
RE: Guia de Role-Playing para Potrinhos
(05/04/2015 21:10)NightMare Escreveu:  
(05/04/2015 20:58)Celestia Stareberg Escreveu:  So acho que deveria ter um topico sobre mary sues/gary stus aqui

Eles estão ai, apenas com classificações mais específicas, já que existem vários tipoes de sues/stus.

Falta so o:Eu sou o ultimo de minha raça

Creditos: @Seturn
[Imagem: tumblr_ohw3mjXrJJ1vc7eeao1_500.gif]
05/04/2015 21:12
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
NightMare
Don't cry because it's over, smile because it happened





Respostas: 2.272
Likes Dados: 646
Likes Ganhos: 1.117
Pronome: Ele
Ausente


Resposta: #5 (PID: 879467)
RE: Guia de Role-Playing para Potrinhos
(05/04/2015 21:12)Celestia Stareberg Escreveu:  Falta so o:Eu sou o ultimo de minha raça

Vero, mas se for olhar bem, faltam vários.

Mas como esse tipo de personagem pode se encaixar tanto em: O Vingador, O Escolhido, O Trágico, não vejo muito problema não fazer uma menção.

Mas para quem ler o tópico, fica ai a dica, não façam isso em casa, crianças.

[Imagem: tPcznNh.png]
05/04/2015 21:19
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
Crasher
TA NA HORA DE ENDOIDAR!
*




Respostas: 2.248
Likes Dados: 117
Likes Ganhos: 530
Pronome: Ele
Offline


Resposta: #6 (PID: 879485)
RE: Guia de Role-Playing para Potrinhos
Pra quem não sabe: Role-Playing Game====>RPG.

Transmigração 100%! UHUL!
[Imagem: RjjBvgj.png]
05/04/2015 21:53
Visitar o website do usuário Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
RollerScouter
Kinshasha! The King Of The Strong Style!





Respostas: 778
Likes Dados: 11
Likes Ganhos: 32
Pronome: Ele
Offline


Resposta: #7 (PID: 879500)
RE: Guia de Role-Playing para Potrinhos
@NightMare Bom,digamos que personagem tal,vivia uma vida comum,trabalhava normalmente,até receber um convite para trabalhar em uma grande empresa,ele vai,acontece algumas coisas ruins lá,e ele é deixado pra morrer,desmaia por motivo X,acorda no hospital com alguma perda,e começa a sentir ódio mortal por quem o deixou para morrer.Isso se encaixa em algum dos seus critérios para se evitar quando se estar criando uma OC?

05/04/2015 22:31
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
NightMare
Don't cry because it's over, smile because it happened





Respostas: 2.272
Likes Dados: 646
Likes Ganhos: 1.117
Pronome: Ele
Ausente


Resposta: #8 (PID: 879502)
RE: Guia de Role-Playing para Potrinhos
(05/04/2015 22:31)RollerScouter Escreveu:  @NightMare Bom,digamos que personagem tal,vivia uma vida comum,trabalhava normalmente,até receber um convite para trabalhar em uma grande empresa,ele vai,acontece algumas coisas ruins lá,e ele é deixado pra morrer,desmaia por motivo X,acorda no hospital com alguma perda,e começa a sentir ódio mortal por quem o deixou para morrer.Isso se encaixa em algum dos seus critérios para se evitar quando se estar criando uma OC?

Pelo jeito, não. Apesar de não ter ficado claro qual perda seria.

[Imagem: tPcznNh.png]
05/04/2015 22:34
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
RollerScouter
Kinshasha! The King Of The Strong Style!





Respostas: 778
Likes Dados: 11
Likes Ganhos: 32
Pronome: Ele
Offline


Resposta: #9 (PID: 879509)
RE: Guia de Role-Playing para Potrinhos
@NightMare Bom,a perda vai ser em 99.9% de um membro do corpo,não vou dizer 100% por quê vai que invento que o cara perdeu os pulmões :v,mas raramente vou inventar que o cara perdeu um olho,por que é muito clichê,e fica mais clichê ainda se o olho for substítuido por um olho robótico,por que pônei assim já temos Red Eye,então seria meio que plagio e falta de criatividade.

05/04/2015 22:47
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta
NightMare
Don't cry because it's over, smile because it happened





Respostas: 2.272
Likes Dados: 646
Likes Ganhos: 1.117
Pronome: Ele
Ausente


RE: Guia de Role-Playing para Potrinhos
(05/04/2015 22:47)RollerScouter Escreveu:  @NightMare Bom,a perda vai ser em 99.9% de um membro do corpo,não vou dizer 100% por quê vai que invento que o cara perdeu os pulmões :v,mas raramente vou inventar que o cara perdeu um olho,por que é muito clichê,e fica mais clichê ainda se o olho for substítuido por um olho robótico,por que pônei assim já temos Red Eye,então seria meio que plagio e falta de criatividade.

Não perdendo 100% da memória, tá valendo. Mlp-pgrin

[Imagem: tPcznNh.png]
05/04/2015 22:56
Encontrar todas as respostas deste usuário Citar esta mensagem em uma resposta

Compartilhar: facebook gplus twitter

Responder 


Ir ao Fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitantes